domingo, 19 de abril de 2009

Dia 19 de abril

Hoje 19 de abril, dia que se comemora o dia do indio no Brasil, e o indio surdo tem dois dias a comemorar.

Por que dia 19 de abril?

Esta data comemorativa foi criada em 1943 pelo presidente Getúlio Vargas. Alguns professores informam que a escolha da data é porque era dia do aniversario do presidente Getúlio Vargas e outro dado informa que foi no Primeiro Congresso Indigenista Interamericano, no México em 1940 que os lideres indigenas que não marcaram presença nos primeiros dias do evento devido as ocorrências como a perseguição, violência em todos aspectos (cultural, linguistico, territorial) e outros fatores que dizimaram seus povos. Para chegarem a compreensão da importância de sua participação nas reuniões e no evento para darem opiniões e decidirem o que seria melhor aos seus povos, os lideres indigenas resolveram participar no dia 19 de abril e assim, esse dia ficou sendo conhecido como dia 19 de abril Dia do Indio no continente americano.

Por que o indio surdo tem dois dias para comemorar?

Primeiro como vimos acima, devido dia 19 de abril ser a data comemorativa de seu povo indigena e segundo porque são indigenas surdos e também tem o Dia do Surdo a comemorar. O povo surdo brasileiro reconhece que em cada povo indigena tem os índios surdos que fazem uso de seus sinais emergentes e a Libras e que estão se organizando dentro das escolas indigenas nas terras indigenas e nas escolas das cidades com a presença de interprete de Libras ou não. A Feneis tem divulgado as primeiras ações em sua revista na qual você poderá conferir na revista 33 em site da feneis, encontramos informações também na revista nova escola. Na dissertação de Marisa Giroletti que tem fotos com os índios surdos Kaingang de Santa Catarina, veja a dissertação e na revista do MEC.

Nessa semana do Povo Indigena e sua Cultura queremos lembrar que a língua de sinais está presente nas terras indigenas e temos um compromisso de trabalhar em prol a educação dos índios surdos e apoiar na preservação da sua lingua de sinais com objetivo de implementar conforme as especificidades linguistica do indio surdo na Política Nacional de Educação Indígena.

Confiram as fotos:






Shirley com Oldir Gonçalves da Aldeia Terena Urbana de Campo Grande –MS e seu filho Oldinei, que também participa do Projeto Indio Surdo.



Oldinei Gonçalves - Indio Surdo Terena






Shirley com indios surdos Guarani/Kaiowá e Terena

Fonte: Arquivo de fotos (foram tiradas por Karin Strobel) da 1ª Roda de conversa: índio surdo e sua língua de sinais - SEMED - Dourados-MS 2008



Escrito por
Shirley Vilhalva



3 comentários:

Marcos Luchi disse...

Olá India Surda Shirley.
Parabéns pelo seu dia, comemoremos.
Abraços

Rita Mendonça disse...

Lindo trabalho, o desenvolvido neste blog.
Parabéns e força para continuar a luta pela cidadania de TODOS os seres humanos.

Consultora Natura disse...

nossa me sinto ANALFABETA! que dficil... desculpe minha ignorancia.